assecom@selviria.ms.gov.br
(67) 3579 1243

Eleitores de Selvíria aderem ao sistema biométrico

15 de Maio de 2019
18:03

No dia 18 de março de 2019, o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TER-MS) iniciou, no município de Selvíria, o processo de revisão eleitoral e cadastramento biométrico dos eleitores do município. Os procedimentos se estenderam até a quarta-feira, 15 de maio. Segundo a chefe de cartório da 9ª Zona Eleitoral (Três Lagoas – MS), Vanessa Barroso, dos 5.680 eleitores do município, 70% já efetivaram o cadastramento. O novo sistema reduz a possibilidade de fraude, amplia a segurança e confere celeridade à votação.

Segundo Vanessa Barroso, a parceria entre o TER-MS e a Prefeitura e Câmara Municipal de Selvíria foi determinante para o êxito do cadastramento e, os eleitores que não fizeram o cadastramento biométrico até 15 de maio de 2019, deverão procurar o Cartório Eleitoral da 9ª Zona Eleitora (Três Lagoas), a partir de junho de 2019. O cadastramento é obrigatório a todos os eleitores, inclusive para aqueles cujo voto é facultativo, sob pena de terem o título cancelado. Os analfabetos, maiores de 70 anos e os menores de 16 e 17 anos, caso possuam o título eleitoral, mesmo que não sejam obrigados a comparecer às urnas, devem se recadastrar, pois, se não o fizerem, ficarão impedidos de votar.

Além do cancelamento do título de eleitor e de não poderem exercer o direito de voto, aqueles que não se recadastraram, até 15 de maio de 2019, terão de pagar multa e, dentre outras medidas restritivas, não poderão tirar passaporte nem assumir cargo público enquanto estiverem em dívida com a Justiça Eleitoral.

A biometria é uma tecnologia que dará ainda mais segurança à identificação do eleitor no momento da votação. O leitor biométrico acoplado à urna eletrônica deve confirmar a identidade de cada eleitor, comparando o dado fornecido (impressões digitais) com todo o banco de dados disponível. A medida torna praticamente inviável a tentativa de fraude na identificação do votante, uma vez que cada pessoa tem impressões digitais únicas.

Por: Assessoria de Comunicação.

Matéria não encontrada!