assecom@selviria.ms.gov.br
(67) 3579-1242

Prefeito de Selvíria faz balanço do primeiro ano de gestão: “2017 foi um ano de desafios”

21 de Dezembro de 2017
08:50

Prestes a completar seu primeiro ano de mandato, o prefeito de Selvíria, José Fernando Barbosa – eleito com 54,37% dos votos, pelo PSB – faz um balanço das ações realizadas em 2017. O prefeito admite que tem passado por muitos desafios e obstáculos, porém, garante que o ano vindouro será promissor.

Mesmo assumindo uma prefeitura com inúmeros problemas, ligados principalmente à questões financeiras, o prefeito tem demonstrado empenho e compromisso com a população selvirense. O gestor municipal, tem realizado constantes atendimentos ao público, e também viagens em busca de melhorias para o município, principalmente com destinos à capital do estado e do país; em busca de parcerias, convênios e emendas parlamentares - algumas previstas para serem executadas já no início de 2018.

Em sua ultima viagem à Brasília, no fim de novembro, José Fernando, participou da Mobilização Municipalista organizada pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), e que apresentou uma série de reivindicações, entre elas, a liberação do Apoio Financeiro aos Municípios (AFM). Na ocasião, o prefeito garantiu para Selvíria, R$ 174 mil, e segundo o mesmo, “o valor contribuiu para o pagamento do 13º salário dos servidores”. O 13º salário dos servidores municipais de Selvíria foi feito em duas parcelas, uma no mês de novembro, e outra em dezembro. 

Recentemente o prefeito José Fernando, também assinou uma TAG – Termo de Ajuste de Gestão, junto ao Tribunal de Contas, em Campo Grande, se comprometendo a solucionar os problemas encontrados na área da educação de Selvíria. Na ocasião, o prefeito ressaltou: “O apoio que o Tribunal de Contas tem dado para nós, gestores públicos, tem sido de suma importância, principalmente porque estou no primeiro mandato, onde tudo é novo e diferente e o TCE-MS tem sido parceiro dos prefeitos, no sentido de nos ensinar como gerir as contas públicas com o mínimo de erro possível”.

Selvíria, com pouco mais de 6 mil habitantes, esta na 5ª colocação com o maior PIB (Produto interno Bruto) do Brasil, segundo aponta um dos indicadores divulgado recentemente pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), este índice tem chamado atenção em noticiários pelo regionais e até nacionais. Segundo dados do IBGE, em 2015 o PIB per capita de Selvíria foi de R$ 246.333,22, o que representa R$ 20.527,76 ao mês para cada morador.

Porém na maioria dos casos divulgados dos maiores PIBs per capitas, são de municípios consideravelmente pequenos, em que as riquezas produzidas não são proporcionalmente distribuídas para a população; pois trata-se de estimativa;  não significa que, necessariamente, cada morador da cidade gerou recursos nessa proporção. No caso de Selvíria, o município recebe recursos (royalties) compensatórios pela instalação da hidrelétrica de Ilha Solteira – atualmente concedida ao grupo sino-brasileiro CTG Brasil, também responsável pela usina de Jupiá – o que eleva anualmente sua receita, em R$ 3,4 milhões.

Sobre o orçamento do município para 2018, é esperado um aumento considerável, espera-se algo em torno de 50 milhões, enquanto em 2017, o valor foi de R$ 32 milhões: ”Isso será possível devido ao aumento na arrecadação de ICMS, incremento adicional de royalties e de uma maior fração de ISS, recursos compensatórios pela instalação da hidrelétrica de Ilha Solteira”, explicou José Fernando.

O prefeito também informa que há diversas emendas e convênios, firmados através do trabalho dos vereadores do município com deputados estaduais e federais, que irão garantir para 2018, obras e verbas para inúmeras melhorais na infraestrutura, e desenvolvimento de Selvíria, e respalda: “A parceria com o poder legislativo do município tem sido primordial para resultados importantes; reconhecemos a importância do trabalho feito em conjunto. Agradecemos ao empenho dos vereadores”.

José Fernando, afirma que, na medida do possível, termina o ano com as finanças em equilíbrio, embora tenha sido difícil: “Não foi tarefa fácil. Foi necessário “enxugar” daqui e dali, em diversos setores, para podermos colocar além dos compromissos de rotina em dia, também diversas pendencias herdadas, e assim podermos acertar a folha de pagamento dos funcionários. Gostaríamos de estarmos em melhor situação, porém, não estamos nas piores delas, estamos fechando o ano de certa forma, de maneira delicada, porém em equilíbrio com maior parte de nossos compromissos. O município é apenas mais um que passa por uma fase difícil no setor financeiro, e isto afeta diretamente os outros setores. Porém, temos trabalhado intensamente para cumprir nossas obrigações com a população”.

“Desde 2011 algumas contas não haviam sido prestadas nos setores de Saúde, Educação e Assistência Social, e com isso, não foi possível receber recursos, gerando uma redução de aproximadamente R$ 200 à R$ 250 mil reais por mês na receita municipal. Com isso faltou dinheiro em caixa, e tivemos que tirar de outros setores, para suprir compromissos essenciais, tais como: merenda e transporte escolar e farmácia básica”, acrescentou. 

 “Na empregabilidade, temos metas para desenvolver esta área no município, formalizando cada vez mais parcerias com instituições, e empresas que possam contribuir para capacitação, e empregos para a população de nossa cidade. Sabemos também, que no próximo ano, teremos a finalização da construção de mais duas novas empresas instaladas em Selvíria – uma de médio, e outra de grande porte – que é a Kelko Pet Care, e Tilabras, que no auge de suas produções (daqui a um ano em média) devem somar centenas de empregos. A vinda de novas indústrias dá mais animo e esperança aos munícipes locais, e também para nós da administração, no que diz respeito principalmente a desenvolvimento”, destacou o prefeito.

José Fernando, também explicou que está sendo pleiteada uma área no município para implantar um distrito industrial: “Queremos concretizar os planos de implantação para um distrito industrial em nossa cidade, em uma área de grande dimensão que estamos pleiteando. Temos o objetivo de atrair novos investimentos e elevar a cidade com atrativos que direcionem empresas a se instalarem aqui; já que Selvíria se encontra em uma de região logística excepcional, bem posicionada entre os principais mercados de consumo e escoamento, como São Paulo, Minas Gerais, e Goiás”.

No setor de Obras, durante todo o ano constantes obras de melhorias vem sendo realizadas, tanto no centro, quanto no bairro Vestia, e área rural – onde segundo o prefeito, haviam trechos que por anos não recebiam manutenções necessárias para melhores condições de transito de veículos de residentes dessa região. Serviços como, patrolamento, cascalhamento e alargamento de vias (feito principalmente em bairros do centro de Selvíria e Véstia), foram uma constante em 2017, já que segundo aponta o prefeito, são serviços que o município estava com grande demanda. “Atendemos neste ano desde pequenos reparos à diversos tipos de melhorias no setor de Obras, pois havia grande demanda, e ainda há muito para se fazer. Porém haviam situações até emergenciais, como o conserto de estradas, e melhorias em vias de acesso aos assentamentos de nosso município”,  

“No caso da MS 444, tivemos também – fora a contrapartida municipal –  um recurso através do Governo do Estado, o contribuiu muito para as melhorias. Nesta importante via, temos grande volume de trafego, envolvendo ônibus escolares e escoamento de produtos agrícolas dos assentamentos e propriedades rurais da região, daí nossa preocupação. Nessa via, temos acesso aos três assentamentos do município”, explicou.

“Apesar da crise financeira deste ano, demos prioridade também para mais uma obra, que é o caso da creche localizada na avenida João Selvírio de Souza. Por anos esta obra – oriunda do Programa Nacional de Reconstrução e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Publica de Educação Infantil (Proinfância) – do Ministério Público, estava parada, pois faltava a contrapartida da prefeitura. Estamos fazendo o que faltava: muros, calçadas, fossa, conclusão de banheiros, pedido da ligação de energia, ajardinamento, entre outros, que ao todo irá custar ao caixa municipal, cerca de R$ 50 mil reais para a conclusão deste obra, que poderá atender em dois turnos até 224 crianças. Acreditamos que irá em muito, beneficiar à mães e pais, que precisam trabalhar e não tem onde deixar seus filhos, fora também que a única CEI que o município tem, esta sempre com vagas preenchidas. A previsão de conclusão é para o início do ano letivo de 2018”, informou o prefeito.

No setor imobiliário também veio para o município neste ano, um dos maiores investimentos do ramo, através da empresa, serão construídos 790 lotes, divididos em 33 quadras. Empreendimento que está sendo feito pelo aguardado crescimento e desenvolvimento de Selvíria.

No setor da Saúde o prefeito destaca, que tem sido feita a priorização nos atendimentos com fila zero, pois com a vinda de novos médicos especialistas – um total de 6 (seis) – e com um total de 4 (quatro) clínicos gerais e parcerias importantes, tais como IPED/APAE - Instituto de Pesquisas, Ensino e Diagnósticos da APAE, de Campo Grande-MS, Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, de Três Lagoas-MS, e Hospital Regional de Ilha Solteira, tem sido possível reduzir consideravelmente as esperas para atendimentos médicos no município, bem como as demandas nas áreas rurais. “Para o próximo ano, queremos fortalecer ainda mais vínculos com estas, e outras importantes parcerias para este setor tão fundamental para nossa cidade. Ainda temos muito trabalho pela frente, mas a saúde será sempre uma questão de prioridade, e que estaremos sempre buscando melhorias para bem atender a população”, ressaltou o prefeito.

Outro fator em destaque, foram os trabalhos preventivos realizados no pelo setor da Saúde. Foram realizados 2 (dois) arrastões de combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, e zika vírus, que envolveram o setor de Obras, e também todos os outros, para realizar a limpeza  da cidade, e passar informação à população. Com as precauções, a cidade está com registro zerado em casos de dengue até o presente momento, segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde.

Na educação municipal, há alguns anos existe um projeto para bolsa de estudos e de ajuda de custos, mantendo o município como destaque nesta área, até quando comparado à nível nacional, e sobre o assunto o prefeito destaca: “Este projeto é de suma importância para nosso município e seu desenvolvimento, e manter a continuidade do mesmo, para nos é uma questão de investimento na qualidade da educação dos jovens da nossa comunidade. Investir na educação é investir no futuro”, disse.

Sobre o secretariado, o prefeito fez elogios, mas disse que será cobrado mais empenho na gestão pública para o próximo ano, e ainda informou que pelos próximos dias, irá realizar uma reunião com os mesmos para uma avaliação das principais ações do ano, e já preparar e estudar outras para o ano vindouro.

Por: Assessoria de Comunicação.

 

 

Matéria não encontrada!